Aos vivos ©
Categoria: Música

[PSiu: Texto todinho apanhado nas veredas do Grande Sertão.]

Quem mói no asp’ro não fantaseia. Mas como não ter Deus?! Deus existe mesmo quando não há. Com Deus existindo, tudo dá esperança: sempre um milagre é possível, o mundo se resolve. Eu quase que nada não sei. Mas desconfio de muita coisa. Quem desconfia fica sábio. Tudo é e não é. Digo: o real não está na saída nem na chegada: ele se dispõe para a gente é no meio da travessia. Viver é um descuido prosseguido. Vivendo, se aprende; mas o que se aprende, mais, é só a fazer outras maiores perguntas. As coisas que acontecem, é porque já estavam ficadas prontas, noutro ar, no sabugo da unha. Natureza da gente não cabe em nenhuma certeza. A gente só sabe bem aquilo que não entende. As coisas assim a gente mesmo não pega nem abarca. Cabem é no brilho da noite. Aragem do sagrado. Absolutas estrelas! A vida da gente vai em erros, como um relato sem pés nem cabeça. Porque a cabeça da gente é uma só, e as coisas que há e que estão para haver são demais de muitas, muito maiores diferentes, e a gente tem de necessitar de aumentar a cabeça, para o total. Este mundo é muito misturado. Só se pode viver perto de outro, e conhecer outra pessoa, sem perigo de ódio, se a gente tem amor. Qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso na loucura. A vida é mutirão de todos, por todos remexida e temperada. A colheita é comum, mas o capinar é sozinho. Viver – não é? – é muito perigoso. Porque ainda não se sabe. Porque aprender-a-viver é que é o viver mesmo. Viver… o senhor já sabe: viver é etecétera.

© Nota de canapé: Título do primeiro CD do Chico César.


(2)


    marienide Mirandai
    7 de novembro de 2014

    amei inteirinhooooooooooooooooooooooo!
    te amo!
    beijos,
    Mari


    Tarlei
    8 de novembro de 2014

    Obrigado, Mari!! Foi só um punhadinho do Rosa que, ele sim, é de se amar inteirinho.






© 2017 - ArteVida – A vida sem a arte é insustentável – Blog do Tarlei Martins - todos os direitos reservados
Design: V1 Digital - desenvolvido em WordPress